A internet sempre foi limitada: o problema é outro (uma pequena “teoria de conspiração”)


O título não é “sensacionalista” e eu vou explicar primeiro para argumentar depois. É muito mais simples do que parece, normalmente é… Imagine que eu tenho um bar que oferece um barril “interminável” de cerveja e, ao pagar para entrar no meu bar, você pode beber quanta cerveja quiser deste barril. Ou seja, a cerveja é “ilimitada”. […]


Continuar lendo...